AdBlock Detected

Parece que você está usando um bloqueador de anúncios!

Por favor. Contribua com nosso trabalho desativando o bloqueio de anúncios. Obrigado!

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Dicas de Desenvolvimento Pessoal, Relacionamento Afetivo e Frases Motivacionais

Afetivo: Você Anda Escolhendo Amar ou se Escravizar?

Afetivo: Você Anda Escolhendo Amar ou se Escravizar?




Afetivo: Você Anda Escolhendo Amar ou se Escravizar?

Os relacionamentos amorosos parecem ser o foco da vida da maioria das pessoas. Elas gastam quantidades enormes de energia e tempo em busca de um par afetivo.

Querem estar sempre em companhia de alguém e serem amados, pois, estar com alguém virou um indicador de sucesso.

Entretanto, muitos querem estar acompanhados apenas para mostrar que podem ou conveniência.

Aliás, à vida passou a ser um ajuste de conveniências, muitos trabalham onde não gostam e vivem com alguém apenas por comodismo.

Afetivo: Você Anda Escolhendo Amar ou se Escravizar?
Afetivo

Afetivo: Buscam Prazeres Externos e Seus Corações Sofrem

Em troca, buscam, desenfreadamente, por prazeres alternativos como compras, bebidas e fantasias de todos os tipos.

Os seus corações sofrem, tornam-se infelizes e espalham esta infelicidade a sua volta por que tudo passou a ser uma fantasia de felicidade, pois, não a conseguem no presente e fantasiam um futuro.

Vivem por um futuro que nunca chega. A angústia e a ansiedade passam a ser seus grandes companheiros.

As pessoas esquecem de olhar para dentro e buscam suas respostas do lado de fora. Procuram explicações em livros e cursos.

Saciam sua mente racional com explicações que enaltecem seu ego e esquecem-se de procurar as respostas em seus corações.

O amor já esqueceram faz tempo e o tratam como mercadoria de troca encontrado numa prateleira de supermercado ou como plano de previdência privada. :




Afetivo: Procuram Amor fora de si e querem receber sem dar.

As pessoas olham tanto para fora que se esvaziam e a angustia deste vazio só é suportada com a inconsciência.

Passam o dia sem ter consciência de quem são, não se perguntam se estão felizes ou se pelo menos sentem o seu coração.

A televisão, os celulares e os fones de ouvido tomam conta da alma e se tornam pessoas inconscientes que vivem apenas deixando o tempo transcorrer.

Afetivo: O Amor é Olhar para Dentro

Acordem! Lembrem-se de quem são, olhem para dentro e sintam que existe alguma coisa aí. Seu Universo interior é maior que o exterior.

Para navegar neste mundo desconhecido é preciso de muita coragem para se enxergar e encarar seus verdadeiros desafios, pois, esta é a verdadeira aventura.

Seu ser é um vasto universo e lhe promete experiências fantásticas, um mundo onde o fantástico não se esgota, então, mergulhe e seja você!

Conheça-se, entenda que você é o Amor. Você é puro amor e tudo que lhe disserem diferente disto é uma tentativa de tirar o seu poder divino e lhe dominar.

Afetivo: Amor Não é Domínio

O amor não pode ser dominado e não tem condição, pois, ele é a própria rebelião incondicional. Você não precisa ser amado quando você se sentir amor, pois, não precisa procurar em lugar algum.

Basta que você ame incondicionalmente e estará saciado, pois, nada mais lhe faltará. Reconheça-se, ame incondicionalmente, é simples assim, basta isto para ser Feliz. 

E isto é tão simples que tudo isto lhe foi tomado.

Enfim, a sociedade não quer seres felizes e independentes, pois, ela precisa de escravos. Mas você pode escolher entre o amor e a escravidão

(Prama Shanti)

Afetivo: Como Conseguir Eliminar a Dor da Perda Afetiva?

A rejeição causa a dor mais profunda que o ego pode sentir, pois, quando isto acontece, inevitavelmente, causa um sentimento de perda brutal.

O mundo se abre sob nosso pés e nada mais importa ou tem valor na vida, pois, todas as nossas esperanças de amar e ser amado se desvanecem.

Os olhos perdem o brilho e o mundo torna-se cinzento, enfim, se não for contido a tempo uma profunda depressão o aguarda e o resultado do sentimento de perda vai ser descomunal.

A rejeição nos atinge desta forma porque acreditamos que não temos nenhum valor. Não passa pela nossa cabeça que isso não é um problema nosso e sim do outro.

Afetivo: Emane Amor ao Ser Rejeitado

Quando somos rejeitados, o que temos que fazer? O senso comum nos diz para rejeitar também e talvez até odiar a outra pessoa.

Seria este um contra ataque lógico só que, neste caso, a lógica não funciona. O que devemos fazer é continuar amando, emanando amor como sempre fizemos.

Não importa o que o outro faz, devemos continuar amando sempre e não de uma forma impessoal e sim com o mesmo amor que sentíamos.

Na verdade não deve haver nenhuma interrupção deste sentimento, independentemente, do que o outro faça. O amor não deve cessar nunca!

Por que amar mesmo sendo rejeitado?

Por que quando você ama, você se unifica com o CRIADOR, há uma fusão. E assim nos tornamos amor, só podemos amar, não há como ser diferente.

É uma felicidade contínua, amamos independentemente das circunstâncias. E isto não é puro romantismo, é real e possível.

(Prof Hélio Couto)

Quer ler mais artigo de Hélio Couto? Clique aqui




Afetivo: É Possível Uma Relação Afetiva Que Não Seja Apenas por Sexo?

Afetivo: Você Anda Escolhendo Amar ou se Escravizar?
Afetivo

Para uma relação não seja apenas por sexo precisará de um grau de enorme evolução, que não se encontra, facilmente, no momento atual neste planeta.

Se cada um olhasse a centelha divina dentro do outro não haveria problema algum.

Se cada um está dando o melhor dentro de si, sinceramente, se empenhando em amar o outro e consciente da centelha que abriga dentro de si e que também existe no outro, a relação já não é mais de humanos.

É de Deus com Deus e nesse caso não há mais problema algum, pois, vai haver só êxtase divino.

Consequentemte não haverá discussões, brigas, ofensas, mau humor, desentendimentos e etc. Só a há amor, carinho, bom humor, solicitude, conversas sobre todos os assuntos de interesse e a vida de cada um.

Então, eles se interessam e fazem de tudo para ampliar o crescimento e evolução do outro não medindo esforços para isto e o que vemos hoje em dia?

Nós vemos uma barganha de manipulação, chantagem e agressão. Até anuncia-se que se pode transar para ganhar uma vantagem.

Por isto a única solução é amor incondicional em tudo na vida, principalmente, nos relacionamentos.

Mas amor incondicional é um conceito e um sentimento, extremamente, distante nesta realidade e esta falta de amor que existe hoje é a raiz de todos os problemas da humanidade.

(Prof Hélio Couto)

Afetivo: Você Anda Escolhendo Amar ou se Escravizar?
Afetivo

Afetivo: Os 13 Fatores Pra Caírmos numa Armadilha

Medo de Ficar Sozinho

1- Por medo de ficarmos sozinhos ou por acreditarmos que não podemos ter o que queremos em um relacionamento, aceitamos a primeira pessoa que aparece apenas para sermos abandonados, derrotados, enganados.

Confusão entre Amizade e Gentileza

2- Confundimos amizade e gentileza com amor romântico

Dificuldade de Dizer Não

3- Quando alguém é gentil conosco e não estamos acostumados ficamos sem saber como dizer não para essa pessoa, mesmo quando percebemos que não é quem queríamos que fosse.

Preso a Aparência

4- A maioria das pessoas fica presas a aparências e promessas

Forçar a Pessoa a Ficar Conosco

5- Forçamos uma pessoa a ficar conosco ou lhe damos um ultimato. Como a pessoa não sabe como dizer não, ela fica conosco…por algum tempo.

Não analisar o parceiro

6- Como a outra pessoa demonstra interesse por nós, correspondemos sem verificar profundamente se encontramos quem ou o que queríamos.

Cegueira

7- Permitimos que a fé e o amor cego nos leva a um relacionamento não saudável.

Afetivo: No Amor sempre Acreditamos que a Pessoa Vai Mudar

8- Decidimos acreditar que nossos parceiros não farão conosco o que fizeram com outras pessoas.

9-  Amor sendo confundido com compatibilidade sexual, entretanto, sexo não tem nada a ver com Amor

Teimosia

10- Mesmo quando o parceiro não demonstra interesse de mudar e superar as dificuldades muitos permanecem, teimosamente, tentando resolver os problemas. 

Não expressamos o que Sentimos

11- Não expressamos o que realmente sentimos porque achamos que vamos magoar o parceiro.

Investimos na Mentira

12- Decidimos acreditar nas mentiras do parceiro, mesmo quando sabemos a verdade! Agimos como se não soubéssemos o que está acontecendo, mesmo quando sabemos.

Ignoramos a Intuição

13- Todos os sinais indicam que esta não é a pessoa certa, entretanto, você ignora seus alarmes internos e continua insistindo

(Iyania Vanzant)

Afetivo: Você Anda Escolhendo Amar ou se Escravizar?
Afetivo

Afetivo: Os 3 Principais Fatores Para Uma Relação Dar Certo

Admiração, respeito e confiança, mas se falta uma destas 3 características, com certeza, a convivência ficará comprometida.

Admiração

é a nossa capacidade de sintonizar com o belo; é a saída da beleza da cada um de nós para encontrar o belo que existe no outro.

A admiração funciona como um tempero na relação, se você não admira nada na pessoa que está ao seu lado, qual é o juízo que tem de si?

O problema disto tudo que a outra pessoa até tem qualidades, mas não são reconhecidas, nem identificadas pelo
parceiro.

Então, comece a descobrir todas as coisas que seu par tem de admirável, mesmo que vocês estejam vivendo uma crise conjugal, depois de encontrá-las, passe a falar sobre elas com a pessoa amada.




Respeito

produz em nós a consciência de que não faremos ou diremos coisa alguma que possa desvalorizar ou humilhar a pessoa amada.

Quando alguém ama e protege esse sentimento, há respeito! E nada será feito que ameace a pessoa amada e o amor que por ela sente.

Cada um de nós é responsável por se fazer respeitar, apenas quando eu me respeito é que tenho a capacidade de
respeitar o outro, portanto, uma pergunta: Quanto você se respeita e quanto respeita a pessoa amada?

Confiança

é uma sensação que temos de que aconteça o que acontecer, podemos contar com alguém. É a certeza de que alguém nos quer, mesmo que estejamos em algum momento ruim,

e a tranquilidade de podermos contar tudo o que quisermos, sabendo que, se for pedido, o sigilo será mantido e

também, a segurança de podermos confiar em alguém.

A pessoa que confiamos é aquela que sabemos que nunca rirá dos nossos sentimentos, não ridicularizará nossa dor, não fará comentários maldosos sobre nós e nunca será desonesta conosco.

Enfim, estes 3 fatores sendo praticados contribuirá muito para a relação dar certo.

Roberto Shinyashiki

Amor: Você Anda Escolhendo Amor ou Escravidão?
Afetivo

 

Afetivo: No Amor Você se Sente Bem no Fundo do Porão?

Se você se sente no porão do amor, não fique triste, pois, sempre tem um propósito.

O objetivo da nossa permanência no porão é aprender a reconhecer as coisas que precisam ser curadas em nós. Pra entendermos de que forma contribuímos para nossa própria infelicidade.

Enquanto estamos no porão não fazemos a menor ideia de que precisamos curar alguma coisa. Sempre o problema é com os outros e nunca é conosco.

É o padrão familiar com o qual fomos amaldiçoados e enquanto estamos no porão herdamos os padrões dos nosso pais e achando que são nossos.

No porão precisamos aprender a olhar os relacionamentos que estão em nossa volta como um reflexo de nós mesmos para que possamos descobrir o lugar que queremos ocupar em qualquer relacionamento.

A única maneira de fazer isto é dispondo-se a fazê-lo. Temos que estar dispostos a liberar as coisas que não estão funcionando, abrindo-nos para escutar as verdades que não quisermos ouvir até agora.

Afetivo: Saia do Porão com Disposição

A disposição é o equipamento indispensável para sair do porão e no momento em que estivermos dispostos a nos ver e a reconhecer o que estamos fazendo iremos subir muito rápido.

A energia de estar disposta é a única maneira pela qual podemos limpar o coração e a mente de todo o sofrimento que passamos durante tantos anos em nome do amor e de algum namorado.




O amor não tem nada a ver com sobrevivência mas tem a ver com crescimento e se insistirmos em buscar a sobrevivência o nosso crescimento será interrompido.

A disposição, por outro lado, é a chave para lembrar que depois de tantas coisas ruins irão aparecer coisas boas fazendo com que as experiências dolorosas se tornem lembranças.

Estas lembranças do que não fazer e do que fazer. Essas experiências sofridas foram à maneira do amor chamar a nossa atenção.

Enfim, no meio de tanto tumulto interno, como poderíamos saber que estávamos sendo preparados para amar a nós mesmos e a compartilhar nosso amor com outra pessoa?

Mas para isto temos que fazer uma única coisa: Admitir que precisamos de ajuda pra sair do porão e aceitar esta ajuda.

(Iyanla Vazant)

Afetivo: Você Anda Escolhendo Amar ou se Escravizar?
Afetivo

Afetivo: Por que o Amor Dói Pra Maioria das Pessoas?

O amor é doloroso porque gera o caminho para a felicidade, pois, ele transforma e é mutável. A cada transformação vai ser dolorosa, pois, o velho tem de ser deixado para poder vir o novo.

O velho é familiar, seguro e estável. O novo é, absolutamente, desconhecido, pois, a pessoa estará se movendo em um oceano inexplorado.

Não se pode usar a mente com o novo. Com o velho a mente é hábil e pode funcionar somente com o velho. Já o novo a mente é inútil.

Surge o medo e ao deixar o velho, o confortável,  mundo seguro, conveniente, então, surge a dor.

É a mesma dor que a criança sente quando sai do útero da mãe. Ou quando o pássaro sente quando sai do ovo e tenta voar pela primeira vez.

Afetivo: Amar é o Desconhecido

O medo do desconhecido, a segurança do conhecido, a insegurança do que não conhece e a imprevisibilidade do desconhecido fazem com que a pessoa fique muito assustada.

E como a transformação vai ser do ser para um estado de não ser, a agonia é muito profunda. Mas não se pode ter êxtase sem passar pela agonia. Se o ouro quer ser purificado tem que passar pelo fogo. 

É por causa da dor do amor que milhões de pessoas veem uma vida sem amor. Elas, também, sofrem e o seu sofrimento é inútil.

Sofrer no amor não é sofrer em vão. É criativo e conduz a níveis mais elevados de consciência. Não leva ninguém a lugar algum e mantém as pessoas em movimento no mesmo círculo vicioso.

O homem que não tem amor é narcisista e fechado. Ele conhece apenas a si mesmo e quanto ele pode conhecer de si mesmo se não conhece o outro, uma vez que somente o outro pode funcionar como um espelho?

Nunca vai conhecer a si mesmo sem conhecer o outro. O amor é fundamental, também, para o auto conhecimento.

Amor é Ver o Próprio Reflexo

A pessoa que não conheceu o outro em amor profundo ou em paixão intensa ou em êxtase total não será capaz de saber quem é. Pois, não vai ter o espelho para ver próprio reflexo.

O relacionamento é um espelho. Quanto mais puro é o amor, mais elevado ele é. O quanto mais limpo o espelho, melhor o espelho.

Porém, o amor mais elevado e exige que a pessoa esteja aberta e vulnerável. Ela tem que abandonar sua armadura e isto é doloroso.

É necessário que não esteja, constantemente, alerta. Tem que abandonar a mente calculista e se arriscar a viver perigosamente.

O outro pode machucá-la e é esse o medo de estar vulnerável. A outra pessoa pode rejeitá-la e é esse o medo de estar apaixonada.

O reflexo que a pessoa vai encontrar no outro de seu próprio eu pode ser feio. E é essa a ansiedade, portanto, deve evitar o espelho.

Porém, o fato de evitar o espelho não significa que a pessoa vai ficar bela. Ao evitar a situação, a pessoa, também, não crescerá, pois, o desafio tem que ser aceito.

Afetivo: Amar é se Direcionar a Deus

É preciso amar. Este é o primeiro passo em direção a Deus e não pode ser ignorado. Aqueles que tentam ignorar o passo do amor nunca chegarão a Deus. 

Isso é, absolutamente, necessário porque a pessoa se torna ciente de sua totalidade. Somente quando é provocada pela presença do outro. Ou quando ela é tirada de seu mundo narcisista fechado para o céu aberto.

O amor é um céu aberto e estar apaixonado é poder voar, porém, o céu infinito gera medo. Além disso, abandonar o ego é muito doloroso por que o homem foi ensinado a cultivar o ego. 

Enfim, ele acha que o ego é o seu único tesouro, protege-o, decora-o, sempre lhe dá polimento. Mas quando o amor bate a porta, tudo o que é preciso para apaixonar é colocar o ego de lado e sem dúvida é doloroso.

Trata-se de um trabalho de uma vida inteira. É tudo o que ele criou. Esse ego feio. Essa e a ideia de que eu sou separado da existência.

Essa ideia é feia por que é falsa e ilusória! Mas a nossa sociedade é baseada nessa ideia de que cada pessoa é uma pessoa, não uma presença.

A verdade é que não há nenhuma pessoa em todo o mundo, somente presença. O ser humano não é como um ego separado do todo, mas ele é parte do todo que penetra, respira, pulsa nele, enfim, o todo é a sua vida.




Afetivo: O Amor Te Deixa Sintonizado Com Algo Maior

O amor dá ao homem a primeira experiência de estar em sintonia com algo que não é o seu ego.

E dá a lição de que é possível entrar em harmonia com alguém que nunca fez parte do seu ego.

Se pode estar em harmonia com uma mulher ou com um amigo ou um homem, filhos ou com sua mãe.

Por que não pode estar em harmonia com todos os seres humanos?

E se estar em harmonia com uma única pessoa lhe dá tanta alegria, qual será o resultado se estiver em harmonia com todos os seres humanos?

Caso pssa estar em harmonia com todos os seres humanos por que não pode ficar em harmonia com animais, pássaros e árvores? Daí, então, um passo leva a outro.

Afetivo: O Amor Dói mas Vale a Pena

O amor é uma escada que começa com uma pessoa e termina com a totalidade. É o princípio e Deus é o fim. Ter medo do amor e das dores crescentes dele é permanecer fechado em uma cela escura.

O homem moderno está vivendo em uma cela escura e isso é narcisista. O narcisismo é a maior obsessão da mente moderna e depois há problemas, pois, na maioria deles não tem sentido.

Há problemas criativos, uma vez que levam a pessoa a consciência mais elevada. Há obstáculos que não a levam a lugar nenhum, simplesmente, a mantêm presa em sua velha bagunça.

O amor gera problemas mas é preciso que eles sejam enfrentados, encarados, vivenciados e que se passe por eles e que se vá além.

E para se ir além é preciso passar por eles. O amor é a única coisa que vale a pena, pois, tudo o mais é secundário.

Se ajudar o amor é bom. Tudo o mais é apenas um meio, enquanto o amor é o fim. Portanto, qualquer que seja a dor permita-se amar.

Se a pessoa não se permite amar ela fica presa consigo mesma.

Sua vida não é uma peregrinação ou um rio que segue para o oceano. É uma poça suja com água parada e logo não haverá nada além de sujeira e lama.

Para que seja mantida limpa é necessário mantê-la fluindo. Um rio permanece limpo porque seu fluxo é contínuo, o fluxo é o processo que o mantém virgem.

Um amante continua a ser um virgem e todos os amantes são virgens. As pessoas que não amam não podem continuar virgens.

Portanto, tornam-se dormentes, estagnados e começam a feder mais cedo ou mais tarde. Na verdade, mais cedo do que mais tarde, pois não tem para onde ir, pois, a vida delas está morta.

É onde o homem moderno encontra a si mesmo e por causa disso todos os tipos de neurose e loucura tornaram-se galopantes.




A Terra se Tornou um hospício

A doença psicológica tomou proporções epidêmicas, não é mais apenas um punhado de indivíduo, psicologicamente, doentes.

A verdade é que a terra inteira se tornou um hospício, a humanidade toda está sofrendo de uma espécie de neurose.

E essa neurose é proveniente da estagnação narcisista do homem, todo mundo está preso na própria ilusão de ter um eu separado e é por isso que as pessoas enlouquecem.

E essa loucura é sem sentido, improdutiva, sem criatividade ou as pessoas começam a cometer suicídio, esses suicídios, também, são improdutivos, sem criatividade.

Não se pode cometer suicídio tomando veneno, pulando de um penhasco ou atirando em si mesmo, mas é possível cometer um suicídio que passe por um processo muito lento e é isso o que acontece, poucas pessoas cometem suicídio de repente.

Outras se decidem por um suicídio lento e morrem aos poucos bem devagar, mas a tendência a se tornar suicida virou quase um fenômeno universal.

Isso não é modo de vida e a razão fundamental é que as pessoas esqueceram a linguagem do amor. Não são mais corajosas o suficiente para entrar nessa aventura chamada amor.

Por isso, as pessoas estão interessadas em sexo, pois, ele não é arriscado e sim momentâneo.

Já o amor é envolvimento e compromisso. Depois que cria raízes pode ser para sempre. Precisa de intimidade e somente quando a pessoa é íntima é que o outro se torna um espelho.

Quando se encontra sexualmente como parceiro, mulher ou homem, a pessoa não se uniu a ele, na verdade, ela evitou a alma do outro, usou o corpo e fugiu.

Eles nunca se tornaram íntimos o suficiente para revelar seus rostos originais um para o outro.




Afetivo: Não Deve ser Evitado Amar

O amor é doloroso, mas não deve ser evitado. Aquele que o evita terá evitado a maior oportunidade de crescer.

É preciso entrar no amor, sofrer, porque, por meio do sofrimento vem um grande êxtase.

Sim, há agonia! Mas é a partir da agonia que nasce o êxtase. O indivíduo terá de morrer como um ego e nascer como um Deus ou Buda.

O amor dará a primeira prova a você de que Deus existe e de que à vida não é sem sentido.

Aqueles que dizem que a vida é sem sentido são aqueles que não conheceram o amor, pois, tudo o que dizem é que faltou amor em suas vidas. 

Que haja dor e sofrimento, atravessem a noite escura e vão chegar a um belo nascer do sol. É no ventre da noite escura que o sol evolui e a manhã chega.

É preciso que o homem desapareça como uma gota de orvalho e transforme-se no oceano. Mas terá que passar pela porta do amor.

Quando ele começa a desaparecer como uma gota de orvalho, dói, porque, provavelmente ele pensou:

“Sou isso e agora isso está acontecendo, estou morrendo“.

Ele está morrendo e o que está falecendo é apenas uma ilusão. Ele se identificou com ela, mas ainda é apenas ilusório.

E apenas quando ela for embora é que ele será capaz de ver quem ele é. Essa revelação leva-o para o pico supremo de alegria, felicidade e celebração.

Osho

Será que você tem crenças negativas sobre o amor? Se quiser descobrir clique na figura abaixo

 

Picture of Walmei Junior

Walmei Junior

Sou Administrador de Empresa, Pós Graduado em recursos Humanos (MBA). Além de ser Coach, Palestrante, Practitinoer em Programação Neurolinguística, Hipnólogo e apaixonado pela mente humana e auto conhecimento.

Comente o que achou:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

---------------Veja mais---------------
Significado de Sonhos: Guia Completo de Interpretação

Significado de Sonhos: Guia Completo de Interpretação

  O significado de sonhos segundo a análise junguiana é uma exploração fascinante do inconsciente humano. Carl Jung acreditava que os sonhos são janelas para a mente inconsciente, pois, ele

Frases de Bom Dia para a Namorada: Amor e Inspiração Diários

Frases de Bom Dia para a Namorada: Amor e Inspiração Diários

  Frases de bom dia para a namorada é uma forma carinhosa de começar o dia e fortalecer os laços do relacionamento. Enviar uma mensagem de bom dia é mais

Frases Bonitas de Deus: Sabedoria e Inspiração para a Vida Diária

Frases Bonitas de Deus: Sabedoria e Inspiração para a Vida Diária

  Frases bonitas de Deus são expressões que tocam a alma e elevam o espírito, pois, essas frases, carregadas de amor, fé e esperança, têm o poder de transformar dias

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CLIQUE NAS FIGURAS ABAIXO PRA COMPRAR.

CURSO DE PSICOLOGIA ONLINE