AdBlock Detected

Parece que você está usando um bloqueador de anúncios!

Por favor. Contribua com nosso trabalho desativando o bloqueio de anúncios. Obrigado!

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Dicas de Desenvolvimento Pessoal, Relacionamento Afetivo e Frases Motivacionais

Fábula: Um Saco de Terra e a Carga nas Nossas Costas

Fábula: Um Saco de Terra e a Carga nas Nossas Costas




O que uma fábula? É um tipo de narrativa curta, frequentemente, apresentada na forma de uma história para crianças.

Que tem como objetivo transmitir uma lição moral ou ensinamento através de personagens animais, objetos inanimados ou até mesmo pessoas.

Geralmente, esses personagens são antropomorfizados, ou seja, possuem características humanas, como falar e agir de maneira semelhante aos seres humanos.

As fábulas são conhecidas por sua simplicidade e clareza moral, e muitas vezes terminam com uma moral explícita que resume a lição que o leitor ou ouvinte deve aprender.

Uma das fábulas mais conhecidas é “A Lebre e a Tartaruga”, atribuída ao fabulista grego Esopo, na qual a lição é sobre a importância da persistência e do esforço constante.

Além de Esopo, o famoso escritor francês Jean de La Fontaine é conhecido por suas adaptações de fábulas, e muitos outros autores ao longo da história têm contribuído para esse gênero literário atemporal.

Fábulas são frequentemente utilizadas como uma forma de transmitir valores éticos e sociais de maneira acessível e cativante.

Fábula: Um Saco de Terra e a Carga nas Nossas Costas
fábula

Qual é o principal objetivo de uma fábula?

 

O principal objetivo de uma fábula é transmitir uma lição moral ou ensinamento de forma acessível e atraente.

Geralmente, as fábulas são projetadas para ensinar valores éticos, sociais ou práticos por meio de histórias curtas que envolvem personagens, muitas vezes animais antropomorfizados (com características humanas), objetos inanimados ou até mesmo pessoas.

As fábulas têm algumas características distintas, incluindo:

  1. Personificação: Os personagens nas fábulas muitas vezes possuem características humanas, como fala e comportamento, mesmo que sejam animais ou objetos.
  2. Narrativa Simples: As fábulas geralmente têm uma trama simples e direta para garantir que a lição moral seja clara e compreensível.
  3. Lições Morais Explícitas: Ao final da fábula, é comum encontrar uma moral explícita que resume a lição que se espera que o leitor ou ouvinte aprenda.
  4. Apelo Universal: As fábulas frequentemente abordam temas universais e questões humanas comuns, tornando-as relevantes para diferentes culturas e gerações.
  5. Acessibilidade: Por serem frequentemente destinadas a um público mais amplo, incluindo crianças, as fábulas são projetadas para serem facilmente compreendidas e lembradas.

Um exemplo clássico é a fábula “A Lebre e a Tartaruga”, que ensina sobre a importância da persistência e do esforço constante.

O caráter didático e a simplicidade são elementos-chave que contribuem para o sucesso das fábulas em transmitir lições valiosas de uma maneira memorável e cativante.

Águia e Galinha: Qual Delas Você Prefereria Morrer?

A Cerca

Metáfora: O fósforo e a vela

Fábula: Um Saco de Terra e a Carga nas Nossas Costas

Conta-se uma fábula sobre um homem que caminhava vacilante pela estrada, levando uma pedra em uma das mãos e um tijolo na outra.

Nas costas carregava um saco de terra; em volta do peito trazia vinhas penduradas. Sobre a cabeça equilibrava uma abóbora pesada.

Pelo caminho encontrou um transeunte que lhe perguntou: Cansado viajante, por que carrega essa pedra tão grande?

É estranho, respondeu o viajante, mas eu nunca tinha realmente notado que a carregava. Então, ele jogou a pedra fora e se sentiu muito melhor. Em seguida veio outro transeunte que lhe perguntou:

Diga-me, cansado viajante, por que carrega essa abóbora tão pesada? 

Estou contente que me tenha feito essa pergunta, disse o viajante, porque eu não tinha percebido o que estava fazendo comigo mesmo.

Então, ele jogou a abóbora fora e continuou seu caminho com passos muito mais leves. Um por um, os transeuntes foram avisando-o a respeito de suas desnecessárias cargas.

E ele foi abandonando uma a uma. Por fim, tornou-se um homem livre e caminhou como tal.

Qual era na verdade o problema dele? A pedra e a abóbora? Não! Era a falta de consciência da existência delas.

Uma vez que as viu como cargas desnecessárias, livrou-se delas bem depressa e já não se sentia mais tão cansado.

Esse é o problema de muitas pessoas. Elas estão carregando cargas sem perceber. Não é de se estranhar que estejam tão cansadas. 

Temos que prestar atenção às cargas que roubam nossas forças e energia: pensamentos negativos, culpa, falta de perdão, mágoa, ciúmes, sentimentos de ódio, vingança, auto piedade.

(Autor Desconhecido)




Picture of Walmei Junior

Walmei Junior

Sou Administrador de Empresa, Pós Graduado em recursos Humanos (MBA). Além de ser Coach, Palestrante, Practitinoer em Programação Neurolinguística, Hipnólogo e apaixonado pela mente humana e auto conhecimento.

Comente o que achou:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

---------------Veja mais---------------

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CLIQUE NAS FIGURAS ABAIXO PRA COMPRAR.