AdBlock Detected

Parece que você está usando um bloqueador de anúncios!

Por favor. Contribua com nosso trabalho desativando o bloqueio de anúncios. Obrigado!

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Dicas de Desenvolvimento Pessoal, Relacionamento Afetivo e Frases Motivacionais

Inferno Mental: Ele Não Se Encontra Fora de Você




Inferno Mental: Ele Não Se Encontra Fora de Você e Sim Dentro

O termo inferno mental não é um conceito psicológico formal, mas é, frequentemente, usado de forma coloquial para descrever um estado de angústia, ansiedade intensa, depressão profunda ou sofrimento emocional intenso.

É uma expressão que reflete a ideia de que a mente da pessoa está passando por um período de turbulência psicológica extrema, levando a uma sensação de desespero e agonia.

Neste texto, vamos explorar o que pode causar esse estado de “inferno mental” e como é possível lidar com ele.

Causas do Inferno Mental

Transtornos Mentais:

Muitas vezes, o “inferno mental” está associado a transtornos mentais, como depressão, ansiedade, transtorno bipolar, esquizofrenia, entre outros.

Esses distúrbios afetam o funcionamento normal da mente e podem causar sintomas debilitantes como pensamentos intrusivos, humor instável e uma profunda sensação de desespero.

Estresse e Pressão:

Pressões excessivas no trabalho, na vida pessoal, ou mesmo eventos traumáticos podem levar a um estado de “inferno mental”.

O estresse crônico pode sobrecarregar a mente e o corpo, levando a uma sensação constante de angústia.

Isolamento Social:

A solidão e o isolamento social podem agravar o sofrimento mental. A falta de apoio social e conexão com outras pessoas pode fazer com que alguém se sinta preso em seus próprios pensamentos negativos e emoções.

Abuso de Substâncias:

O uso de substâncias como álcool e drogas pode agravar problemas de saúde mental e levar a um estado de “inferno mental”.

Os efeitos dessas substâncias podem distorcer a percepção e exacerbar os sintomas de transtornos mentais.

duas mãos tocando num vidro embaçado
Inferno Mental

Como Lidar com o Inferno Mental:

Lidar com um estado de “inferno mental” pode ser uma jornada desafiadora, mas há várias estratégias que podem ajudar a aliviar o sofrimento e promover a recuperação:

Buscar Ajuda Profissional:

Se você está passando por um inferno mental, é crucial procurar ajuda profissional. Psicoterapeutas, psiquiatras e outros profissionais de saúde mental podem fornecer apoio, diagnóstico adequado e tratamento eficaz.

Busca por Medicação:

Em alguns casos, a medicação pode ser necessária para estabilizar o humor e reduzir os sintomas de transtornos mentais.

Um psiquiatra pode avaliar a necessidade de medicação e ajustá-la de acordo com as necessidades do paciente.

3 mulheres e 1 homem conversando
Inferno Mental

Terapia

A terapia é uma ferramenta valiosa para tratar o “inferno mental”.

Terapeutas podem ajudar os indivíduos a explorar suas emoções, pensamentos e comportamentos, identificar padrões disfuncionais e desenvolver estratégias de enfrentamento.

Rede de Apoio:

Conectar-se com amigos, familiares e grupos de apoio pode fornecer um sistema de suporte emocional. Compartilhar seus sentimentos e preocupações com pessoas de confiança pode aliviar o peso emocional.

Autocuidado:

Praticar o autocuidado é fundamental. Isso inclui cuidar da sua saúde física e mental, adotando uma dieta equilibrada, fazendo exercícios regularmente e garantindo que você esteja descansando o suficiente.

Meditação e Mindfulness:

Práticas de meditação e mindfulness podem ajudar a acalmar a mente e reduzir a ansiedade. Elas ensinam a focar no presente, em vez de se preocupar com o passado ou o futuro.

Estabelecer Metas Realistas:

Definir metas alcançáveis pode ajudar a restaurar um senso de controle e propósito. Pequenas conquistas ao longo do caminho podem melhorar a autoestima e a motivação.

Evitar o Isolamento:

Embora seja comum se isolar quando se está passando por um período difícil é importante fazer esforços para manter conexões sociais.

Atividades sociais e interações com outras pessoas podem trazer alívio e apoio emocional.

Aprender a Lidar com Pensamentos Negativos:

Terapia cognitivo-comportamental (TCC) pode ser especialmente útil para aprender a identificar e reverter padrões de pensamento negativos.




Inferno mental e a definição de limites:

Estabelecer limites saudáveis é importante para evitar o esgotamento e a sobrecarga emocional. Aprender a dizer não e priorizar o que é mais importante para você pode ajudar a reduzir o estresse.

Lembrando que o processo de lidar com o “inferno mental” pode ser único para cada indivíduo, e o que funciona para uma pessoa pode não funcionar para outra.

É importante ser paciente consigo mesmo e procurar o apoio adequado. Além disso, o tratamento muitas vezes é uma jornada contínua, e a recuperação pode ser um processo gradual.

Em resumo, o “inferno mental” é uma expressão que descreve um estado de sofrimento emocional intenso, frequentemente associado a transtornos mentais, estresse, isolamento social e outros fatores.

Lidar com esse estado requer apoio profissional, autocuidado, apoio social e estratégias de enfrentamento eficazes.

Buscar ajuda e adotar um plano de tratamento personalizado são passos essenciais para superar o “inferno mental” e melhorar a saúde mental.

O inferno está dentro de nós, você sabia disto? Você tem a ideia de que o ser humano tem duas personalidades e possui um ego?

Você sabia que tem uma coisa chamado centelha divina? O problema é que poucos sabem disto! As pessoas não tem a menor ideia de quem elas são, infelizmente.

Muitos despejam o Seu Inferno Mental na Outra Pessoa e aí a vida dela se torna um inferno na terra.

Mas por que vira um inferno? A vida da pessoa se torna um inferno por que ela age de acordo com o ego, que é a sua sombra.

O ser humano não age com a centelha divina e ela não sabe disto, afinal, é inconsciente. Enfim, a sombra precisa ser resolvida ou sua vida será um inferno

Leia Também

Perdão: Faça esta oração pra você conseguir perdoar

Inferno Mental: O Que precisa fazer?

Para equacionar este problema primeiro você tem que olhar pra dentro de si, mas como começar? Primeiro você pode se analisar vendo o que você reprime.

Esta repressão pode ser pensamentos, sentimentos, situações, preconceitos, ciúmes, inveja, raiva, ressentimentos e ódio. Logo após, você pode ver as projeções, mas o que é isto? 

Em psicologiaprojeção é um mecanismo de defesa no qual os atributos pessoais de determinado indivíduo, sejam pensamentos inaceitáveis ou indesejados, sejam emoções de qualquer espécie, são atribuídos a outra(s) pessoa(s).

De acordo com Tavris Wade, a Projeção Psicológica ocorre quando os sentimentos ameaçados ou inaceitáveis de determinada pessoa são reprimidos e, então, projetados em alguém ou algo.

Inferno Mental: Somos Espelho

Ou seja: As projeções você só vê no outro aquilo que tem dentro de si, pois, só enxerga no exterior o que tem dentro de si mesmo.

Embora muita gente dá “piti” quando um terapeuta ou amigo com mais conhecimento encosta em sua sombra.

Mas é a única saída para a pessoa ser feliz! Não tem jeito! Ou se enfrenta e admite suas misérias ou se ferra para ao resto da vida.

A nossa sombra domina tudo! Os relacionamentos afetivos, os negócios, tudo! A pessoa fica doente, bate o carro, tem diversos problemas, já que nada dá certo.

Por isto é importante enxergar a sombra para se curar, ou seja: A consciência cura tudo, o fato de ter consciência das nossas sombras o ser humano começa a ver uma luz.

Mas só vira luz quando conscientizamos, entretanto, se negarmos vira escuridão, se torna sombra, portanto, temos que olhá-la, integrá-la e resolvê-la.




Inferno Mental é Igual a Sombra Não Resolvida

Se a sombra não é resolvida, ela cresce e passa a dominar a vida da pessoa sem ela perceber, por que, simplesmente, ela não quer perceber.

Vou dar um exemplo para vocês de um parentesco. Esta pessoa da minha família, mulher, sempre teve uma mãe que a humilhava.

Por exemplo: Esta pessoa cresceu ouvindo a mãe dizer pra ela que não sabe fazer nada. Nunca teve incentivo da mãe para ter sucesso.

Com o passar do tempo esta pessoa descobriu que sua mãe sempre foi humilhada na infância, então, ela passou apenas o que recebeu para ela e sabe o que aconteceu?

Esta pessoa descobriu em 2017 que ela, também, diminuía muita gente, ou seja:

Sem saber a sombra dele machucou algumas pessoas, mas fazer o que!? Esta pessoa era inconsciente, não tinha controle sobre as suas sombras e nem sabia que isto existia.

Mas graças a Deus esta pessoa descobriu a tempo estas sombras e ela, hoje, ela trabalhada muito forte em cima disto.

Hoje, ela sabe integrar esta sombra, esta pessoa aceita que tem este “demônio”, faz parte da dualidade.

Enfim, temos que integrar mas não é tarefa fácil! Por que nossa sombra trabalha 24 horas diárias, desde quando abrimos os olhos.

mas se conseguimos integrá-la a nossa personalidade a nossa vida se torna uma paz gigantesca por que não mais projetamos as nossas sombras nos outros e consequentemente, não machucamos ninguém. 

O que quero dizer com tudo isto? Que o inferno está dentro de nós!

Então, se eu ou você do outro lado do computador não olharmos para as nossas sombras jamais seremos felizes. Viveremos um eterno carrossel e não sairemos do lugar. Todavia, para sair existe possibilidades:

uma moça de pijama se abraçando sentada na cama
Inferno Mental

Inferno Mental e Possibilidades 

A primeira é buscar dentro de você o que reprimiu a vida toda. Por exemplo: Você sempre quis se expressar mas seu pai não deixava por que se não você apanhava, então, você reprimiu e foi pra sombra.

Já o segundo fator é perceber suas projeções psicológicas, por exemplo: Aquela pessoa é egoísta, mesquinha, medrosa, ou seja: Tudo que tem no outro existe em você.

Fazendo isto paramos de jogar lixos nas nossas sombras e aprendemos a transcendê-lo. Carl Jung disse, claramente, que para o ser poder viver ele tem que se equilibrar na tensão dos opostos.

Enfim, se esta conscientização da sombra não acontecer, se a pessoa não for humilde em reconhecer tudo que ela é, inclusive, negativamente, é impossível ser feliz e amar.

Portanto, não seja a maioria que investe nos seus egos, através do orgulho, do medo, da inveja, do ciúmes e ainda assim dizer pra você que a sua pessoa está errada.

Por experiência própria já vivi isto, o que fiz? Me afastei da pessoa, afinal:

O parteiro só dá a luz se a mulher estiver grávida, então, se a pessoa não quer dar sua luz, eu como parteiro, não posso fazer nada, então, o que me resta? É me afastar da pessoa.

Então, eu te pergunto: Você quer investir no ego ou no amor? Na sua essência ou na sombra? Se não fazer um trabalho muito forte para identificar suas sombras ou como seu ego age sua vida será sempre um inferno mental.

Pense nisto…




Picture of Walmei Junior

Walmei Junior

Sou Administrador de Empresa, Pós Graduado em recursos Humanos (MBA). Além de ser Coach, Palestrante, Practitinoer em Programação Neurolinguística, Hipnólogo e apaixonado pela mente humana e auto conhecimento.

Comente o que achou:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

---------------Veja mais---------------

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CLIQUE NAS FIGURAS ABAIXO PRA COMPRAR.